make action GIFs like this at MakeaGif
Fique por dentro
recent

Clique na imagem e ouça agora a Rádio SOUDAQUIMANGA

Carnaval do "Fora Temer" bomba no mundo inteiro

O Carnaval do Fora Temer já ganhou destaque mundial. O desfile da Paraíso do Tuiuti, no Rio, cujo enredo protestou contra o golpe no Brasil em plena Globo, sócia do atentado à democracia, virou o segundo assunto mais comentado no mundo no Twitter.

Além disso, com 80% dos votos em uma enquete no portal UOL, a escola de samba é apontada como a melhor escola de 2018. Posts sobre o desfile dominam as redes sociais desde a madrugada desta segunda-feira 12, quando os carros e os personagens entraram na avenida da Sapucaí.

Ainda no Rio, uma multidão tomou o aeroporto Santos Dumont gritando em peso "Fora, Temer", rejeitado por mais de 90% dos brasileiros. O grupo de foliões também não perdoou o prefeito da capital, Marcelo Crivella (PRB), que viajou para a Europa no Carnaval.

No Carnaval mais politizado da história, há ainda bloquinhos pedindo a volta de Lula, bonecos homenageando o ex-presidente e faixas contrárias à prisão. Em uma ponte próxima à Rocinha, por exemplo, uma faixa enorme traz os dizeres: "STF, se prender Lula o morro vai descer".

DESFILE DA TUIUTI CONSTRANGEU NARRADORES DA GLOBO

O desfile de protesto da Paraíso do Tuiuti na primeira noite do sambódromo do Rio de Janeiro é de longe o de maior repercussão nas redes sociais, desde a madrugada desta segunda-feira 12.

Celebrado pelos militantes e sites de esquerda, o desfile que questionou o fim da escravidão e fez um duro discurso contra o golpe e a perda de direitos trabalhistas sob o governo Temer foi também um tapa na cara da Globo, partícipe do golpe e que precisou transmitir tudo ao vivo.

O colunista de TV Mauricio Stycer comentou, em seu blog no UOL, que os narradores da emissora ficaram constrangidos. "Do camarote da Globo, onde narrava o desfile, Fátima Bernardes, Alex Escobar e Milton Cunha reagiram com comedimento ao surpreendente protesto, como se estivessem constrangidos", escreve.

Leia trecho de sua coluna:
"As desigualdades vem vindo até os dias de hoje", disse Fátima. "Muitas confecções usam trabalho escravo", observou. "Os manifestoches", leu ela, ao ver passar a ala com os patos, sem dizer mais nada. "Manipulados", acrescentou Milton.

O constrangimento se repetiu diante da crítica ao presidente. "O vampirão", disse Milton. Alex Escobar apenas riu. E Fátima observou: "É o regime de exploração nos mais diversos níveis". Um pouco depois, Escobar disse o que todos viam: "Tá com a faixa de presidente esse vampiro". E Fátima idem: "Vampiro neoliberalista".

Nesta segunda, um post sobre o desfile na página do G1, portal da Globo, no Facebook tentava desviar a fantasia do Temer Vampirão: "Componente da Paraíso do Tuiuti não confirma se referência é o presidente Michel Temer. Será?".

TUIUTI SOLTOU GRITO PRESO NA GARGANTA DO PAÍS EM PLENA GLOBO: FORA TEMER

O enredo do carnavalesco Jack Vasconcelos soltou o grito que estava preso na garganta de milhares de brasileiros na madrugada desta segunda-feira 12 durante desfile da escola Paraíso do Tuiuti, na primeira noite deste Carnaval na Sapucaí.

"Fora, Temer", gritou um dos componentes pouco antes de a escola deixar a avenida, representando os críticos do golpe, do governo Temer e das reformas que retiram direitos trabalhistas dos brasileiros, tudo mostrado no desfile.

A transmissão obrigatória do protesto pela TV Globo, que participou do golpe e pode ser considerada as grandes mãos que controlaram manifantoches que desfilaram fantasiados de camisas verde e amarela, deu um gostinho a mais.

Os narradores ficaram sem saber o que dizer, e acabaram ocultando o real conteúdo do enredo, como alfinetou o jornalista e escritor Mario Magalhães. "Fizemos uma coisa que todo mundo quer", disse o professor de história Léo Morais, que se vestiu de Temer vampiro no desfile.

Na internet, os políticos que fazem oposição a Temer exaltam a coragem da escola, que já saiu campeã, mesmo que não oficialmente, mas "do povo", como comentou um dos internautas nas redes sociais, em uma das centenas de postagens sobre o desfile nesta segunda. Mensagens bem humoradas indicam esperar um novo projeto do MBL: o Carnaval Sem Partido.

A presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), disse que o desfile foi histórico: "Fantasias ironizando os desmontes causados pelo atual governo, - como a Reforma Trabalhista, já tão devastadora no dia a dia do povo após sua aprovação - e outros figurinos como fantoches pelo golpe, foram um dos assuntos mais comentados nas redes nesta madrugada. Nota 10 para a escola!!!".

A deputada Jandira Feghali, do PCdoB do Rio, criticou a reação da Globo: "E teve climão na Globo pra comentar o desfile com críticas ao golpe que a própria Globo apoiou". Em outro post, ela havia registrado: "MOMENTO INCRÍVEL NO CARNAVAL DE DOMINGO: A Paraíso do Tuiuti registrou no Sambódromo o golpe no país, a manipulação de parte da sociedade e os efeitos terríveis de um governo ilegítimo alçado ao poder dentro da ruptura democrática!!! QUE DESFILE!!!"

O deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL), também do Rio de Janeiro, rasgou elogios à escola:
"QUE DESFILE! A Paraíso do Tuiutí levou o #ForaTemer à avenida, criticou a Reforma Trabalhista do presidente vampirão - também presente na Sapucaí - e falou sobre escravidão. Arrasaram!"
Confira o vídeo da íntegra do desfile, divulgado pelo canal Enredo e Samba, no Youtube:

FOLIÕES MANDAM RECADO AO STF: SE PRENDER LULA, O MORRO VAI DESCER

Depois de uma faixa colocada na entrada da Rocinha, foi a vez de mandar o recado na Sapucaí.

Os foliões avisaram o STF: "Se prender Lula, o morro vai descer".

Neste Carnaval, Lula virou até tema de um bloco em Belo Horizonte, chamado "Que saudades do meu ex", além de ser homenageado com bonecos e gritos pedindo sua volta, como este aqui.

ROCINHA AVISA: SE PRENDER O LULA, O MORRO VAI DESCER

O jogo já está claro. De um lado, a Globo e setores alinhados ao golpe pressionam o Poder Judiciário a prender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele, líder absoluto em todas as pesquisas, desista de disputar as eleições presidenciais de 2018. De outro, Lula se mantém tranquilo e diz não temer ameaças.

A novidade é a dimensão do apoio popular a Lula. 2018 já entra para a história como o Carnaval do "volta, Lula". Além disso, na Rocinha, maior comunidade do Rio de Janeiro, uma faixa avisa: se prender o Lula, o morro vai descer.

CARNAVAL EM BELO HORIZONTE TEM GRITO DE APOIO A LULA

Entre marchinhas contra a reforma da Previdência, que pedem 'Fora, Temer' e questionam "cadê a prova" contra Lula, o Carnaval de 2018 pode ser considerado bastante político.

Em Belo Horizonte, Minas Gerais, foliões do bloco Tico Tico Serra Copo gritavam neste domingo a plenos pulmões "Olê olê olê olá Lula Lula" em uníssono. É o que mostra um vídeo que circula nas redes sociais.

CARNAVAL DE 2018 TRAZ O GRITO DE 'VOLTA LULA'

O Carnaval 2018, a festa mais popular do planeta, está sendo o Carnaval do “Volta, Lula”. Foliões de Belo Horizonte (MG), no túnel da Lagoinha, puxaram o grito de “Volta, Lula” no lugar das tradicionais marchinhas. Abaixo, assista ao vídeo.

Se por um lado o povo chama pela volta do ex-presidente Lula, de outro quer a saída de Michel Temer. Na manhã deste sábado (11), por exemplo, em Olinda (PE), o coro “Fora, Temer” foi exibido ao vivo pela Globonews.

Consagrado nas ruas, Lula sofre uma implacável perseguição do consórcio midiático-jurídico-financeiro que visa tirá-lo da disputa eleitoral deste ano.
soudaquimanga

soudaquimanga

Nenhum comentário:

Postar um comentário

by: soudaquimanga (2011-2015) - Manga, MG. Tecnologia do Blogger.