Eleições 2014

Image and video hosting by TinyPic

Urbano, o herói manguense, em ação

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Prêmio de Produtividade de 2012 só será pago em 2013 em Minas Gerais



O Governo de Minas destina em 2012 R$ 1,74 bilhão para despesas com pessoal, somando o que foi efetivamente gasto até setembro e a previsão de desembolso até dezembro.  Este total é 119,6% maior do que o valor previsto na lei que instituiu a política remuneratória dos servidores públicos estadual (Lei 19.973/2011), calculado em R$ 794,2 milhões. Ou seja: mais do que o dobro da previsão.



A informação foi repassada pelos secretários de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, e da Fazenda, Leonardo Colombini, a líderes das principais entidades representativas das diversas categorias do funcionalismo estadual, durante reunião do Comitê de Negociação Salarial (Cones) realizada nesta quinta-feira (11), na Cidade Administrativa.

Na mesma reunião, os secretários anunciaram que o pagamento do décimo-terceiro salário estará disponibilizado nas contas de todos os servidores estaduais no dia 15 de dezembro. Já o prêmio por produtividade será pago no primeiro trimestre de 2013, em data ainda a ser definida.

O volume de R$ 1,7 bilhão que o Governo de Minas desembolsará até o final de 2012, dentro da política remuneratória do Estado, está sendo aplicado na concessão de reajustes e  de diversos outros benefícios concedidos aos servidores estaduais.

Um comentário:

  1. É assim que a educação é tratada aqui em Minas. Que vergonha. Inventam esse prêmio, que na verdade devia mesmo era pagar um bom salário, e depois ficam só nessa enganação.

    ResponderExcluir

Clique na imagem e dê a sua opinião

Dê a sua opinião:

Qual a sua opinião sobre a interferência política na autonomia dos meios de comunicação?
Concordo que os políticos interfiram na publicação de conteúdos
Sou totalmente contra qualquer tipo de censura
Todo político tem que autorizar aquilo que é publicado a seu respeito
Não tenho opinião a respeito
Outra